CONTEÚDOS
CULTURA BRASILEIRA
INTÉRPRETES DO BRASIL
A série irá apresentar as mais diversas maneiras com que o Brasil foi lido e interpretado por sociólogos, pintores, estilistas, chefs de cozinha, arquitetos, paisagistas, historiadores, poetas. Cordial; antropófago; racista; pacífico; cosmopolita; regionalista. Mas, afinal o que é o Brasil, o brasileiro? Para tanto iremos abordar obras como a do sociólogo Gilberto Freire, da pintora Tarsila do Amaral , do escritor Guimarães Rosa, do arquiteto Oscar Niemeyer, dentre outros. Cada qual, de sua maneira e em seu meio de expressão, foi ou é um interprete do país. Mas, para além da diversidade que os separa “o Brasil os une”, parodiando a frase de Oswald de Andrade. Mas, há outra coisa que os reúne novamente: essa série documental. Serão 13 obras-autores, selecionados nessa primeira fase do Intérpretes do Brasil, com duração de 52 minutos cada. Mais do que responder o que é o Brasil, a série apresenta de quantas e diversas maneiras partimos da premissa de que há diversas maneiras pelas quais esse grande país pode ser lido, inventado e reinventado.

LOG LINE

Os interpretes brasileiros e suas obras revelam, a cada programa, de quantas e diversas maneiras o Brasil pode ser lido e inventado.
BRINQUEDOS DO SERTÃO
Bonecas feitas de espigas de milho e cabaças, carrinhos de rolimã, casas de pedra e pau. Vamos conhecer as formas criativas e inusitadas com que crianças (e seus pais) que vivem na zona Rural do país criam brinquedos e brincadeiras. Uma série em que percorreremos as zonas rurais em busca dessas criações e das formas de brincar no sertão, que são fruto de tradições e da imaginação. A série prevê o uso de animação e efeitos visuais, na composição do roteiro, transformando os brinquedos em desenhos durante a narrativa. Elegeremos, para isso, artistas primitivistas e populares (que convencionou-se chamar na arte pelo termo francês “naif”). A narrativa será também atravessada por uma série de intervenções literárias que não se restringem a literatura infantil, mas que trate dos sertões como: Manoel de Barros, Euclides da Cunha, Monteiro Lobato, Guimarães Rosa dentre outros.

LOG LINE

Os brinquedos e as brincadeiras típicas das zonas rurais brasileiras são o tema da série que conta ainda com animação e intervenções literárias.
SABEDORIAS DO SERTÃO
Uma série que percorre os sertões do Brasil para desvelar as sabedorias das pessoas que ali vivem. Dividia em 5 episódios a série aborda os seguintes temas: vida-morte; trabalho; família-amor; infância e saúde. Para cada episódio elegeremos 3 personagens significativos. A minissérie prevê ainda uso de recursos visuais e poéticos e intervenções literárias e artísticas como uso de imagens de quadros de Cândido Portinari e de artistas primitivistas e a literatura de Manoel de Barros, Euclides da Cunha, Guimarães Rosa dentre outros.

LOG LINE

Amor. Vida- morte. Trabalho. Saúde. Infância. Como pessoas que vivem no meio rural pensam. A cada episódio a sabedoria das pessoas que vivem nos sertões do Brasil é revelada.
CONHECIMENTO; HISTÓRIA E ARTE
HIPÓ-TESES
Hipó-teses é uma série de documentários que apresentará em cada episódio uma tese de doutoramento inovadora realizada por um pesquisador brasileiro. Tratando temas polêmicos e relevantes, a série dará uma nova dinâmica ao conhecimento científico através de uma linguagem clara, sem deixar a profundidade de lado. Iremos conhecer a vida dos doutores, suas pesquisas, entrevistar outros pesquisadores ligados ao tema, introduzir reflexões e polemizar. Tudo isso, usando recursos de imagens e a agilidade de três jovens apresentadores. Um doutor em matemática e literatura, uma doutora em sociologia e jornalista e um filósofo e comentarista esportivo. Um trio inusitado que dará uma pitada de reflexão durante a abordagem da pesquisa do convidado. Um programa que percorre várias áreas de conhecimento e interesses, passando do avanço das pesquisas com as células tronco, ao debate da pedofilia, a questão urbana ou o bolsa família no país. A cada programa um(a) jovem matemático(a), um(a) psicólogo(a), biólogo(a), revelará aos telespectadores um modo diferente e útil de pensar temas urgentes para o país.

LOG LINE

Três jovens doutores escolhem uma tese de doutorado significativa para a discussão abordando, a cada programa, uma área de conhecimento diversa.
IMAGENS DA MULHER NO OCIDENTE MODERNO
Bruxas; Tupinambás canibais; Maria; Marias Negras na América, Maria Madalena, Cortesãs; Star Hollywoodianas, Top Models e as imagens da mulher nas Redes Sociais. Apesar de amplamente conhecidas faltava, ainda, pensar essas imagens em conjunto e conhecer o diálogo entre elas. Com roteiro adaptado da tese de doutorado da socióloga e professora convidada da USP Isabelle Anchieta a série documental traz a história social das imagens da mulher desde o sec. XV até os dias de hoje. Resultado de 8 anos de pesquisa de campo no exterior, passando pelos arquivos de Bibliotecas da Alemanha, Suíça, museus italianos até os Estúdios de Hollywood o documentário irá mostrar como as xilogravuras, artes plásticas, fotografias e o Cinema criaram estereótipos da mulher. Não mais as vitimizando, a pesquisadora aborda as mulheres como ambíguas personagens sociais que atraem, em torno de si, os mais contraditórios sentimentos sociais.

Premiações:

Distinção acadêmica USP, 2014 _ A tese recebeu distinção acadêmica em banca composta por Fernando Novais; Lília Schwarcz, Mássimo Canevassi, Maria Arminda do Nacimento Arruda e Ferdinando Martins.

Jovem Socióloga pela Competição Mundial organizada pela ISA/ UNESCO, 2014.

LOG LINE

Pesquisadora de imagens percorre uma série de países para contar a História da Imagem da Mulher no Ocidente Moderno, passando do sec. XV até os dias de hoje. Uma superprodução que combina imagens atuais com diversos recursos de animação.

Promo IMAGENS DA MULHER:
AS FIGURAS DE ARETINO: O KAMA SUTRA OCIDENTAL
A série irá desvendar as origens do primeiro livro erótico europeu que surge na Itália no séc XVI, conhecido com as figuras de Aretino”. Uma espécie de Kama Sutra Europeu, composto por 16 imagens realizadas por Giulio Romano (e copiadas por Marcantoni Raimondi, Agostino Carraci e Conde de Waldeck), que circulou intensa e veladamente entre homens e mulheres das cortes europeias. Celebrizando-se na edição realizada pelo sátiro Pietro Aretino. O sátiro chantageia o Papa que havia mandando prender o artista dos desenhos. Ele não só consegue soltar seu amigo pintor como resolve publicar as imagens ao lado de sonetos inspirados nelas. No primeiro anuncia com humor explícito: “Deus perdoe quem no cu não foda”. Baseado na pesquisa de doutorado de Isabelle Anchieta que investigou a origem das imagens pornográficas na Itália e Inglaterra (onde encontram-se os 9 fragmentos das imagens originais). A série será narrada por um ator que toma o lugar simbólico do polêmico e sarcástico Aretino que dialoga com um segundo narrador em off representado pelo impressor das imagens Marcantoni Raimondi.

LOG LINE

O primeiro livro pornográfico que circula intensamente na Europa e sua controvertida repercussão são o tema da série. Conhecido como “Figuras de Aretino” a obra, ainda pouco conhecida, pode ser considerada o primeiro Kama Sutra Ocidental.
PSI-SOCIOLÓGICOS
SENTIMENTOS
Cartas de leitores e pedidos de aconselhamento sentimental são o ponto de partida da série. Adaptadas para pequenas pílulas de mini-documentários e de doc-ficção _ quando a experiência sentimental será representada por atores. Cena que será interpelada ela reflexão de psicanalistas; neurologistas; filósofos; sociólogos e antropólogos. Uma condutora irá conduzir o fio da narrativa e fazer o diálogo entre os dois momentos. Um programa informativo-reflexivo que pretende tocar os nossos telespectadores.

LOG LINE

Um sentimento humano é analisado tomando como ponto de partida cartas de aconselhamento sentimental publicadas em periódicos. As experiências são encenadas por atores e a narrativa é conduzida por uma condutora que entrevista especialistas sobre o tema.

Opção de formato

A cada episódio iremos desvendar um sentimento que nos liga: a dor; a alegria; a perda; a melancolia; o desejo; o entusiasmo e etc. Dois personagens: uma celebridade e um anônimo, ou duas pessoas com condições sociais distintas serão nossos personagens. O programa irá convidar também estudiosos (psicanalistas; neurologistas; filósofos; sociólogos e antropólogos) para nos informar sobre os sintomas e as consequências desse sentimento. Faremos uso de recursos visuais/auditivos, inserindo imagens não literais, de cunho poético, combinadas com frases de grandes pensadores e romancistas interpretadas por artistas. Um programa informativo-reflexivo que pretende tocar os nossos telespectadores.

LOG LINE

A cada programa duas pessoas com origens e realidades distintas revelam como vivem o mesmo sentimento. Dor, alegria, depressão. Interpeladas pelos esclarecimentos de um especialista.
ESTEREOTIPOS
Negro, gorda, islâmico, judeu, bonita, feio. Uma infinidade de rótulos positivos e depreciativos são usados socialmente para identificar uma pessoa por meio de um atributo. Mas, em que medida ele pode dizer tudo sobre uma pessoa? Para dar vida e complexidade a personagens estereotipados iremos conhecer o dia-a dia de cada um deles em cada episódio da série. Vamos entender em que medida sua vida confirma e ultrapassa essa atribuição. Para nos ajudar a aprofundar a abordagem faremos pílulas de entrevistas com especialistas sobre o tema e inserções de textos com citações de pensadores sobre o assunto.

LOG LINE

Pessoas estereotipadas revelam o seu dia a dia e ganham complexidade com a ajuda de sociólogos e psiquiatras.
IM+PREVISÍVEIS
É uma série de documentários que apresentará, em cada episódio, mulheres (e homens) fora do comum, que tiveram a coragem de romper expectativas, moralidades e estereótipos. Vamos acompanhar a vida de um menino de rua que virou palestrante, viajar na companhia de uma mochileira, saber como é a vida de uma artista plástica surrealista ou entender a escolha de uma pessoa que optou morar na rua. Pessoas que mudaram radicalmente o rumo de suas vidas _ para bem e para o mal. Imprevisíveis abordará temas polêmicos, emocionantes e mesmo divertidos sobre um lado incomum da vida das pessoas, introduzindo uma pitada de reflexão através da citação de trechos de obras literárias e análises de imagens de arte ligadas a personagem do episódio.

LOG LINE

Pessoas que mudaram o rumo de suas vidas contam suas histórias imprevisíveis e são interpeladas reflexivamente por intervenções literárias e artísticas
LONGA METRAGEM
METAMORFOSE
"Metamorfose" e’ um filme documentário piloto (já realizado) que tem recebido considerável interesse e elogios da crítica Italiana. Ao invés dos habituais formatos televisivos, centradas nos aspectos externos da vida dos protagonistas, este projeto tem como tema central o mundo interior dos participantes. Personalidades famosas revelam seus medos, suas angústias, suas dores e afrontam uma viagem interior de crescimento, apoiada e incentivada por psicólogos, psicoterapeutas, mestres de vida, que irão ajudá-los a se conhecer melhor e a se encontrar (ou não).

LOG LINE

Pessoas famosas passam por um processo de autoconhecimento por meio de uma série de experiências, revelando seu lado frágil e humano, em busca de si mesmos.

Obs. O formato do longa metragem pode ser adaptado para uma série de TV ou mesmo para um reality show.

Promo Metamorfoses:
QUESTÕES SOCIAIS/POLÍTICA
INICIATIVA POP (REALITY SHOW)
O primeiro reality show a tratar de política. A cada temporada os participantes e o público elegem via internet quais os temas nacionais mais urgentes a serem debatidos (EDUCAÇÃO, SAÚDE, SEGURANÇA, MOBILIDADE, CORRUPÇÃO, ECONOMIA, TRABALHO, JUSTIÇA, MORADIA, TRANSPORTE, MEIO AMBIENTE, ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, APOSENTADORIA E ETC). Escolhido o tema da temporada, pessoas comuns, acima de 16 anos, gravam vídeos e enviam propostas sobre o assunto no site. Os mais votados pelos internautas são avaliados por um júri de especialistas que monta 5 equipes, unindo pessoas de todos os estados e pessoas de sexos, idades e formações distintas na mesma equipe. Cada equipe tem de apresentar uma proposta e enfrentam uma série de desafios. Os grupos receberão ainda consultorias de pessoas especializadas nos temas. Além de estarem em contato constante com o público que os ajuda oferecendo ideias e informações. No final de cada semana as equipes terão de apresentar a evolução de sua proposta para o Júri. O público vota em quem será eliminado. Ao fim, as duas equipes finalistas são submetidas ao grande desafio: juntar o maior número de assinaturas possíveis para levar sua proposta ao Congresso Nacional. Quem obtiver um milhão de assinaturas primeiro é o vencedor. O grupo ganhador levará a proposta para votação no Congresso Nacional na forma de um projeto de Lei de Iniciativa Popular _ lei 9.709. O programa continua na Internet, acompanhando os desdobramentos da votação do projeto.

LOG LINE

Pessoas comuns participam de um reality show de política que almeja apresentar soluções para problemas de seu país por meio de debates, mobilizações e a produção de Leis de Iniciativa Popular.
MULHERES SEM ROSTO
Uma série baseada no artigo “A sociedade de rostos” premiado na Competição Mundial Jovens Sociólogos (ISA/UNESCO), de autoria da pesquisadora brasileira Isabelle Anchieta. Abordando o drama de mulheres paquistanesas desfiguradas por ácido por seus companheiros, a pesquisadora investiga como a repercussão dessas imagens nas redes sociais foi capaz de alterar as leis do país _ diminuindo o número de casos. A série irá ampliar o debate para abordar outras violências sofridas pelas mulheres orientais, como o estupro coletivo, especialmente na Índia; a mutilação genital sofrida por crianças na África e o impedimento a formação educacional das meninas. Vamos acompanhar o trabalho de organizações internacionais e de pessoas engajadas em esclarecer que tratam-se de “costumes criminosos”, que estão, inclusive, em desacordo com a religião islâmica. Uma série com 13 episódios que irá viajar pelos países orientais apresentando essas dramáticas histórias e a luta de pessoas engajadas em mudar a mentalidade local.

LOG LINE

A série acompanha de perto os dramas das mulheres orientais e a luta de organismos internacionais e de pessoas no combate a “costumes criminosos”.
SEXO
AS FIGURAS DE ARETINO: O KAMA SUTRA OCIDENTAL
A série irá desvendar as origens do primeiro livro erótico europeu que surge na Itália no séc XVI, conhecido com as figuras de Aretino”. Uma espécie de Kama Sutra Europeu, composto por 16 imagens realizadas por Giulio Romano (e copiadas por Marcantoni Raimondi, Agostino Carraci e Conde de Waldeck), que circulou intensa e veladamente entre homens e mulheres das cortes europeias. Celebrizando-se na edição realizada pelo sátiro Pietro Aretino. O sátiro chantageia o Papa que havia mandando prender o artista dos desenhos. Ele não só consegue soltar seu amigo pintor como resolve publicar as imagens ao lado de sonetos inspirados nelas. No primeiro anuncia com humor explícito: “Deus perdoe quem no cu não foda”. Baseado na pesquisa de doutorado de Isabelle Anchieta que investigou a origem das imagens pornográficas na Itália e Inglaterra (onde encontram-se os 9 fragmentos das imagens originais). A série será narrada por um ator que toma o lugar simbólico do polêmico e sarcástico Aretino que dialoga com um segundo narrador em off representado pelo impressor das imagens Marcantoni Raimondi.

LOG LINE

O primeiro livro pornográfico que circula intensamente na Europa e sua controvertida repercussão são o tema da série. Conhecido como “Figuras de Aretino” a obra, ainda pouco conhecida, pode ser considerada o primeiro Kama Sutra Ocidental.
MULHER-MODA
LABORATÓRIO DE MODA BRASIL
É um reality para a TV que reúne a Moda, a Cultura Brasileira, o Turismo através de uma competição cultural entre alunos de designer. O desafio? Interpretar a arquitetura, o comportamento, a natureza, a arte das mais diversas cidades brasileiras para o universo da moda com a criação de uma coleção de roupas. O aluno com melhor desemprenho será contratado por uma marca de roupas reconhecida. Um programa interativo onde o público _ via internet e ligações telefônicas _ e um júri técnico ligado a moda escolhe a melhor criação. A interação do público não para por aí, ele poderá escolher as cidades tema dos desafios, conversar com os designers e dar palpites na criação com dicas regionais. 

Premiações:

• O piloto do programa ficou entre os sete finalistas do 4º Festival Internacional de TV, em 2008, na categoria Entretenimento

• O argumento do programa foi selecionado entre 10 projetos para representar o país no I Congresso Internacional de Moda, em 2008. Momento em que as idealizadoras Adrienne Rabelo e Isabelle Anchieta palestraram no Museu do Traje em Madri, Espanha.

LOG LINE

Estudantes de moda participam de uma competição criando roupas inspiradas na identidade visual e cultural de cidades brasileiras. Viajando, conhecendo e interpretando o país, os jovens serão julgados a cada semana por pessoas ligadas ao setor.
PROGRAMA INFANTO-JUVENIL
Grandes pequenos: a idade Invisível
Não há roupas para a sua idade, programas de TV e produtos ofertados. Os pais não sabem como tratá-los ou abordar assuntos como sexo. Uma idade transitória. Difícil de capturar. Não são mais crianças, mas não são_ ainda_ adolescentes. Para tentar entender esses “grandes pequenos” iremos escutar diretamente deles o que pensam. Ambientado em um quarto de uma das integrantes (com decoração que revela a contradição típica da idade) iremos entrar na intimidade de um grupo de meninos e meninas. Conduzido pela dona do quarto, a ruiva e esperta Bel, vamos a cada programa saber como vivenciam esse momento, passando desde o que leem, até o que gostam de vestir, como se relacionam com os pais e etc. Os adultos estarão presentes na forma de atores ou mesmo especialistas que entram e saem do quarto introduzindo também conflitos e reflexões. Serão duas meninas, dois meninos, sendo que um deles poderá estar no quarto via Skype.

LOG LINE

Gurpo de pré-adolescentes se reúne em um quarto e conversa sobre experiências típicas de sua idade, interpelados por intervenções de adultos que entram no quarto introduzindo discussões e conflitos